Da Idéia a Estréia - O Processo de Criação de um Projeto de Cinema.



Leigh Whannell e James Wan se conheceram na Escola de Cinema. Depois da formatura, Wan se focou em sua cerreira como diretor enquanto Whannell tentou a sorte como ator e crítico cinematográfico. Conseguiu uma vaga em um programa de TV australiano. Um prorama musical estilo MTV.


Depois de alguns anos como o nerd do programa, Leigh decidiu largar o programa para se dedicar a sério em sua carreira como ator e roteirista.


Durante a faculdade, eles escutaram histórias sobre dois amigos, Ben Affleck e Matt Damon, que conseguiram entrar no mercado escrevendo e estrelando o próprio filme. Eles inclusive ganharam um Oscar por Gênio Indomável.


Leigh se lembrou do seu colega de faculdade, James e os dois começaram a pensar em um projeto próprio. Nada de drama. Eles não tinham recursos nem experiência para comandar e estrelar em um drama com muitos personagens.


Mas um pequeno thriller, ou terror, gravado inteiramente em internas... Isso pode ser uma possibilidade real. Com a experiência de direção de James e o carisma de Leigh como uma subcelebridade australiana com certeza seria o suficiente para atrair investidores.


Pânico, o filme de 1996 dirigido por Wes Craven provou ser muito popular entre a audiência, e o gênero de horror sempre atraiu aos cineastas de guerrilha. James e Leigh tiveram a ideia de um filme de terror ultragore com entrelinhas de questionamentos morais.


Leigh pegou a idéia e a transformou em um roteiro de longa.


ENCONTRANDO UM PRODUTOR


Com o roteiro pronto e refinado nas mãos, James e Leigh começaram as sessões de pitch nas produtoras australianas. Apesar de Leigh ser relativamente conhecido no país, nenhuma produtora quis colocar a mão no projeto. A Industria de Cinema Australiana é pequena, e um terror gráfico parecia um grande risco. Os executivos e produtores australianos não gostaram da atitude dos dois rapazes. “Quem são esses dois moleques com esse roteiro achando que vão pra Hollywood?”


Como muitos outros que vieram antes dele, Leigh teve que ouvir de um executivo que simplesmente não havia lugar para eles e suas ambições na indústria Australiana, e que os dois deveriam meter o pé para Los Angeles.


Ninguém gostaria de ouvir algo parecido, ser recusado cara a cara pela indústria que você quer participar. Mas eles engoliram o choro e seguiram em frente. Ouviram o conselho e se mandaram para L.A.


Se Leigh já era pouco conhecido na Austrália, em Los Angeles ele não era ninguém. O plano deles era vender o projeto como um pacote. Além do roteiro, a produtora ainda leva o diretor e o ator principal.


Mas eles precisavam de um novo plano. Como iam provar para os produtores e executivos de hollywood que tinham capacidade para comandar uma produção?


Assim, eles resolveram investir do próprio bolso para gravar um curta. Algumas cenas retiradas do roteiro do longa que serviam para mostrar a experiência de James como diretor e o talento de Leigh como ator.


Com o curta finalizado e em mãos. Eles começaram as sessões de pitch na cidade e acabaram fechando um contrato com a Evolution Entertainment, que embarcou como a produtora. Eles ganharam um orçamento super modesto e 18 dias para as filmagens nos arredores de Los Angeles. A ESCOLHA DO ELENCO


Embora a Evolution tenha aceitado produzir Jogos Mortais através de seu novo selo de horror, Twisted Pictures, O projeto ainda não tinha distribuição. James e Leigh sabiam que o melhor jeito de garantir uma distribuição americana (e consequentemente, pro resto do mundo) era recrutando atores conhecidos, que pudessem atrair as distribuidoras.


Eles se inspiraram no clássico de Tarantino, Pulp Fiction, que revitalizou as carreiras de John Travolta e Bruce Willis. Ambos os atores não tinham tido um grande sucesso em algum tempo. James e Leigh estavam decididos a procurar estrelas em posição similar. Alguém cuja carreira já não estivesse indo tão bem. Atores que eles achavam que poderiam abordar com uma proposta.


Mesmo sabendo que Jogos Mortais só podia pagar o piso salarial da industria, eles resolveram correr atrás do talento.


Mas veja bem, que nesse ponto eles já tinham o projeto aprovado. Todo o processo até eles fecharem com a Evolution durou dois anos. Eles sabiam que a menos que o projeto já estivesse aprovado e com orçamento liberado eles não conseguiriam ninguém.


Pra muita gente, Cary Elwes é conhecido por seu papel em The Princess Bride, ou o não tão memorável, “A Louca, Louca História de Robin Hood”. Já o astro Danny Glover é até hoje bastante conhecido pelo seu papel em “Máquina Mortífera”, mas não muito além disso.


Os atores estavam obviamente receosos. Eles são abordados por centenas de estudantes de cinema e amadores tentando convencê-los que são os próximos gênios do cinema. Mas James e Leigh buscaram as reuniões da maneira correta, pelos canais corretos. Eles foram através dos respectivos Agentes. Foi assim que os atores concordaram em ouvir o pitch de Jogos Mortais.


James e Leigh foram sagazes no seu pitch. Eles argumentaram que as filmagens seriam curtas, nos arredores de Los Angeles, ou seja, ninguém precisaria viajar e ficar longe da família.


Mas acima de tudo, eles tinham um roteiro matador. Os agentes e os atores já tinham lido e gostado. Eles ainda apontaram o efeito que Pulp Fiction teve na carreira dos atores envolvidos.


BUM! Foi uma estratégia arriscada, mas funcionou. Foi o incentivo final que os atores queriam para assinar com o projeto.


Jogos Mortais, nasceu.


EXIBIÇÃO E DISTRIBUIÇÃO


O filme foi estreou em uma exibição em janeiro de 2004, e baseado na reação do público, a Lionsgate adquiriu os direitos para distribuir o filme na América do Norte.


Quando o filme estreou no circuito comercial, em outubro do mesmo ano, foi um HIT instantâneo, dividindo opiniões e críticas. O filme foi tão bem na bilheteria, com um orçamento tão pequeno, que a própria Lionsgate autorizou a sequência dias depois da estréia.


Jogos Mortais, com seu orçamento de 1.8 Milhões, arrecadou mais de 100 milhões de dolares no mundo. Jogos Mortais se tornou uma franquia que rendeu rios de dinheiro para todos os envolvidos. O filme foi relançcado nos cinemas em 2014 para comemorar o aniversário de 10 anos.


Leigh Wannell segue a sua carreira como roteirista. Ele escreveu e produziu um longa ou videogame por ano desde a estréia de Jogos Mortais. Poucos podem se orgulhar de um currículo desses.


James Wan segue a carreira como diretor. Depois de Jogos Mortais, seguiu sua carreira com muitos filmes, como Invocação do Mal, Velozes e Furiosos 7 e o mega blockbuster da warner Aquaman, com estréia prevista para 2018.


Por isso, por mais que as pessoas façam pouco de você e de suas ambições, siga em frente e persiga os seus sonhos. Planeje e execute cada etapa, com um passo de cada vez.


É como eu sempre digo. Ninguém começa do topo. Para toda história de sucesso existe uma longa jornada de frustração, sangue e suor. Quem decide o que é possível é você e mais ninguém.


Para quem quiser ler mais sobre isso, eu indico o artigo de Fin Wheeler no blog do LA Screenwriter.


E como sempre, se você gostou do conteúdo deixe uma curtida na nossa FANPAGE do facebook. e se você quiser fazer parte desse trabalho, adquira o livro Roteirista Empreendedor e me ajude a gerar mais conteúdo de qualidade para os Roteiristas.

O MELHOR PONTO DE PARTIDA

PARA NOVOS ROTEIRISTAS

Contato

Av. Bernardo Vieira de Melo, 2143 lj 07 

cxpst 023, Jaboatão dos Guararapes-PE

54410-010

roteiristaempreendedor@gmail.com

© Copyright 2015 Roteirista Empreendedor

Labonia Photo & Video LTDA 16.722.838/0001-29

Todos os produtos e serviços online são entregues imediatamente.

www.roteiristaempreendedor.com

Contato Imprensa e Apoio - roteiristaempreendedor@gmail.com

  • Branco Facebook Ícone
  • Branco Twitter Ícone
  • Branca Ícone Instagram