ROTEIRISTA

EMPREENDEDOR

Talento ou Popularidade?

05.08.2017

 

Outro dia fiz uma enquete na fanpage do Roteirista Empreendedor - Se você gosta e ainda não curtiu, curte lá e nos ajude a ultrapassar a marca dos 10k - perguntando sobre o apoio ao cinema brasileiro, e embora a esmagadora minoria, ainda teve gente que escolheu a opção dizendo que deve-se apoiar o cinema brasileiro apenas por ser brasileiro, independente de qualidade. Isso me fez pensar. Será que essa é realmente a melhor forma de ajudar o cinema brasileiro? O que vale mais? Talento ou Popularidade?

 

Deixe eu expandir nessa idéia. Dois filmes disputam um concurso de roteiro. Um deles é de um cineasta iraniano, um filme premiado internacionalmente. O outro é de um cineasta brasileiro sem nenhuma expressão e histórico. Quem deve ganhar a disputa? Se você respondeu o brasileiro, eu sinto dizer que você está usando os critérios errados. A resposta certa é: que vença o melhor.

 

Quando você coloca a identidade do cineasta acima da qualidade do produto final, você não só está machucando o cinema em si, mas como está machucando o cineasta também, dando a ele a ilusão de que seu trabalho é bem recebido quando na verdade o que vale é sua nacionalidade. Até hoje eu fico de cara quando alguém me diz que "devemos apoiar o cinema nacional a qualquer custo".

 

Quando deixamos esse tipo de bairrismo controlar nossas decisões, terminamos com um concurso de popularidade ao invés de um concurso de talentos. Nesses casos, não ganha o melhor filme, ganha quem tem mais amigos. O que você acha sobre isso?

 

Veja bem, eu sou completamente a favor de apoiar o trabalho dos amigos, mas pra isso eu preciso gostar do trabalho, eu preciso consumi-lo como público antes de mais nada. Eu não vou votar em um filme só porque é brasileiro. E isso não é preconceito. preconceito seria o contrário. Eu explico.

 

Na hora em que você assume que os cineastas brasileiros precisam de uma forcinha para ter sucesso, você assume que eles não são capazes de conquistar seu espaço no talento. Cada vez que você vota em um filme ruim você está, a médio e longo prazo, prejudicando o cineasta. Dando a ele a ilusão de que seu trabalho é bem recebido quando na verdade não é. Esse tipo de disparidade na percepção do seu próprio trabalho é extremamente prejudicial, na maioria dos casos.

 

Uma das questões que eu vejo muito no meu dia a dia é que vejo pessoas que querem simplesmente "vencer", não importando tanto como. O famoso "sigo de volta" ou as 'trocas de likes ou votos". Foda-se a qualidade do trabalho, se eu tiver seguidores o suficiente eles vão empurrar tudo o que eu faço goela abaixo das pessoas. Sabe quem faz isso? Fã Clube.

 

Você já parou pra pensar quem é que bomba o instagram de Bruna Marquezine? Se você pensou nos marmanjos que querem ver as fotos dela de biquini, acertou em partes, mas o grosso mesmo vem do seu fã clube.  Em um tempo antes da internet - acabei de denunciar o quanto sou velho - os fãs clubes mandavam cartinhas e gritavam na porta do hotel. Hoje em dia o papel dos fã-clubes é criar fazendas de likes e curtidas. Se cada fã tem 5 contas no instagram, cada fã dá like 5 vezes. 25 fãs geram 125 likes. 200 fãs geram 1000 likes e assim por diante. sempre multiplicando aquelas reações positivas.

 

Agora descendo do patamar das estrelas para os reles mortais. Você acha normal que a identidade do roteirista deva se sobrepor a qualidade da obra? Isso vale pra todo mundo. O roteiro de um homem é bom só porque ele é homem? O roteiro de uma mulher é bom só porque ela é mulher? Pense nisso.

 

Do outro lado, vejo que as pessoas que pedem os likes e curtidas em seus trabalhos levam a negativa para o lado pessoal. Outro dia vi um cidadão PUTO DA VIDA dizendo que ninguém doou dinheiro para o crowdfunding dele. na postagem furiosa, ele reclamava da falta de apoio dos amigos e ainda disse "não me mandem convites e pedidos que eu não ajudo mais ninguém". Eu tentei mostrar pra ele que cinema, principalmente crowdfunding não é nada pessoal. As pessoas doam investem em projetos BONS e não em amigos, colegas e sobrinhos. Mas ele não quis saber. cruzou os braços, estalou a língua e escolheu continuar puto. fazer o que?

 Outro caso foi de uma jovem que me pediu pra votar no curta dela. Fui assistir e vi que tinham curtas BEM melhores concorrendo. Essa mesma pessoa estava nas redes sociais ameaçando quem não votasse em seu curta, dizendo que "quem não votar no meu filme pode desfazer a amizade".

 

Essas pessoas não estão atrás de reconhecimento para o seu trabalho. Eles querem ser conhecidos pela sua IDENTIDADE e não pelo seu CONTEÚDO. percebe a diferença? Eu não ligo se você é homem, mulher, gay, hetero, trans, muçulmano, crente, daimista, maconheiro. Eu quero é filmes bons e eu vou apoiar o bom conteúdo até o fim. O que eu não vou fazer é participar de concursos de popularidade.

 

Muita gente tem dificuldades de aceitar que o problema não está no mundo, o problema na grande maioria das vezes está em nelas mesmas. Tentam mudar o mundo e a sociedade para não mudarem a si mesmas. Nunca cogitam a possibilidade de seu trabalho não estar bom ainda.

 

Ninguém nasce sabendo escrever ou dirigir. Fazer um filme ruim não significa que voce É ruim, e sim que você ESTÁ ruim. Esse contexto implica que "bom" não é um estado de "ser" e sim de "estar". As pessoas ESTÃO ruins hoje, mas podem e devem melhorar. Estados de  "estar" podem ser revertidos com estudo e prática.

 

Mas acredito que isso reflete na geração youtuber, que quer a fama pela fama, mesmo que você chegue lá apenas fazendo palhaçadas na internet. A geração que não gosta de esperar nem de batalhar por nada, que quer a fama e o reconhecimento ANTES de colocar o trabalho.

 

O que você acha? Você acredita que devemos apoiar brasileiros independentemente da qualidade ou na sua opinião deve vencer o melhor? Deixe seu comentário aqui ou na nossa fanpage. E se você GOSTOU do artigo, curta, compartilhe. não é obrigado, faça apenas se vc tiver gostado genuinamente. ;)

 

 

Please reload

O MELHOR PONTO DE PARTIDA

PARA NOVOS ROTEIRISTAS

Contato

Av. Bernardo Vieira de Melo, 2143 lj 07 

cxpst 023, Jaboatão dos Guararapes-PE

54410-010

roteiristaempreendedor@gmail.com

  • Branco Facebook Ícone
  • Branco Twitter Ícone
  • Branca Ícone Instagram

© Copyright 2015 Roteirista Empreendedor

Labonia Photo & Video LTDA. - www.roteiristaempreendedor.com

Contato Imprensa e Apoio - roteiristaempreendedor@gmail.com